Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Tarte de Santiago…

Em Agosto de 2009, fiz parte de uma aventura em bicicleta na companhia do meu marido, da minha irmã e do meu cunhado.


Juntos e com as nossas bicicletas, percorremos a Via da Prata - Chaves rumo a Santiago de Compostela, 199,355Km de pura adrenalina por caminhos históricos que foram usados pelos peregrinos portugueses que caminhavam até Santiago de Compostela através das rotas do interior de Portugal.


Foi um desafio e uma aventura espetacular superada com sucesso.
Uma aventura que nos fica cravada na memória de tão especial que é.
Só quem a faz, sabe o quanto é uma aventura única.


Para além de todas as emoções sentidas nesta aventura, uma das partes importantes é a alimentação para nos dar força para continuar até ao fim.
E foi na reta final que fiquei a conhecer a Tarte de Santiago...


Esta Tarte é um doce conventual e foi já em Santiago que tive o primeiro contacto com ela, uma sobremesa tradicional da Galiza, que pode ser encontrada por toda a Espanha e que eu desconhecia até então.
A sua principal característica é a mistura equilibrada entre a amêndoa e o ovo que lhe confere um sabor único.
Os nossos irmãos galegos garantem que esta tarte tem uma origem longínqua, em 1577, tendo sofrido vários apuramentos até chegar à receita atual, considerada um ex-libris da cidade e, de uma forma geral, de toda a Galiza.
Curiosamente, a receita mais divulgada desta tarte inclui um ingrediente que não consta da verdadeira receita: a canela.
Não sendo espetacular, é muito fácil de fazer e tem um paladar delicado e agradável.
Como gosto do sabor a canela, decidi não fazer a original e fazer a receita que me foi gentilmente cedida pela pasteleira do restaurante onde a provei.

Ingredientes:
3 Ovos
3 Gemas
250g Amêndoa
250g Açúcar
casca de 1 Limão
1c. chá de Canela em pó, SULDOURO - NAVIRES
1 pitada de sal, SALINAS CORREDOR DO SOL
50g farinha Maizena
Açúcar em pó q.b. para polvilhar
Molde da espada de Santiago para recortar
Preparação:
1. Colocar a amêndoa no copo e pulverizar. 15Seg./Vel.7 Reservar.


2. Colocar o açúcar e pulverizar 15Seg./Vel.9
Adicionar a casca de limão e pulverizar 10Seg./Vel.9


3. Adicionar a canela,os ovos e as gemas e programar 10Seg./Vel.4


4. Adicionar a amêndoa 5Seg./Vel.4
Por último, a farinha Maizena e a pitada de sal 10Seg./Vel.4


5. Verter o preparado para uma forma (coloquei papel vegetal para ser mais fácil desenformar), podem colocar diretamente numa forma devidamente untada ou se preferirem fazer uma base de massa quebrada.


6. Levar ao forno a 180º/ 20Min.
Retirar do forno e deixar arrefecer por completo.
Recortar a espada de Santiago, colocar ao centro da Tarte e polvilhar com açúcar em pó.
Retirar com cuidado o desenho, de forma a não deixar cair o açúcar que está em cima deste.



7. Na hora, de servir…cortar fatias generosas ;)


Claro que, não poderia terminar esta publicação, sem vos mostrar mais um pouco da minha aventura através de algumas fotos que guardo com carinho. Aqui, ficam…




O momento da chegada que me levou a verter lágrimas de emoção...ETAPA CONCLUÍDA!
Só quem faz o Caminho, o sente realmente...

 
Por último, as fotos da praxe!
A minha tão merecida Compostela e o Santiago :)



Sem comentários:

Enviar um comentário