Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

domingo, 26 de julho de 2015

La Baguette…

Ao raiar do dia, o padeiro francês fabrica um dos ícones da padaria francesa, conhecido em todo o mundo: La Baguette.
De crosta apetitosa, dourada e crocante, miolo areado que derrete na boca…a Baguette é convidada de honra à mesa dos franceses. Sempre muito bem-vinda em todas as refeições, ela corresponde a cerca de 80% das compras de pães na França.

Conhecida internacionalmente, a baguete tradicional é feita à base de ingredientes muito simples: farinha de trigo, água, fermento e sal.
Corre a lenda de que a sua forma teria sido adoptada por pura funcionalidade.

Para se fazer uma “boa” baguete é preciso tempo, como quando se prepara qualquer “bom” pão.
Trabalhar a massa, esperar que fermente/levede, cortá-la em diversos pedaços, dar-lhe a forma adequada, aplicar-lhe os famosos pequenos cortes feitos à superfície pelo artesão, deixar que repouse, sem pressa… e, por fim, a cozedura.
Sim, porque para fazer um bom pão é preciso ganhar mestria.
Estou no bom caminho ;)

La Baguette é orgulho nacional…
Representa também uma técnica presente, apreciada e valorizada em todo o território francês, até pelo próprio Presidente da República!
Uma vez por ano, o “Grande Prémio da Baguete de Paris” é concedido a um padeiro que, além de o receber, obtém o direito de abastecer por um ano o palácio do Eliseu, residência oficial do Presidente.
Eu até era bem capaz de conseguir ganhar este prémio. ;)

Como haveria eu de resistir? Degustada com compotas, manteiga ou em forma de sanduíche com um delicioso recheio de presunto…que maravilha!
E os padeiros são sempre extremamente criativos, criando assim baguetes de diferentes tipos e originais: a chamada “La Baguette Campagne”, por exemplo.

Hoje, ao raiar do dia, como uma verdadeira padeira francesa, fabriquei as minhas baguetes, dando-lhe o meu toque pessoal.
Acrescentei um ingrediente à receita original…que lhe deu uma outra leveza…
E, sim, estas poderiam estar à venda numa qualquer padaria francesa que iam ser vendidas, de certeza!
Ficaram lindas, não ficaram?

Bonjour! :D

2015-07-16 19.06.14

Ingredientes:

300g água
20g de fermento fresco de padeiro OU 11g de fermento em pó para pão
530g farinha T55
1c. chá de sal grosso
20g de puré de batata instantâneo (opcional)

Preparação:

1. Deitar a água, o sal e o fermento no copo e programar 2Min./37º/Vel.2
2. Adicionar os restantes ingredientes. 3Min./Vel. Espiga

2015-07-16 15.36.51 2015-07-16 15.41.35

3. Formar um cilindro e dividir este em 4 partes.

2015-07-16 15.43.06

4. Dividir cada uma das 4 partes em outras duas.
Com o rolo da massa, estender a massa dando-lhe a forma própria da baguete, assim como a nível do tamanho pretendido.
5. Colocar uma parte em cima da outra e voltar a estender com o rolo da massa.

2015-07-16 15.44.24 2015-07-16 15.44.53

6. Enrolar como uma torta, colocar as dobras para baixo.
Fazer 3 cortes e polvilhar com farinha.
Os cortes devem ser SEMPRE feitos ANTES da massa levedar.

2015-07-16 15.45.42

7. Colocar no tabuleiro que irá ao forno e deixar levedar, cobertas com um pano, cerca de 30Min.
8. Aquecer o forno a 200º/15-20Min., ventilado, caso tenham esta opção no forno, colocando no fundo uma tigela de barro com água quente.

2015-07-16 15.51.43

9. Retirar do forno e deixar arrefecer em cima de uma grelha.

2015-07-16 17.07.41

10. Rechear a gosto.
Estas baguetes são perfeitas!

2015-07-16 19.07.12

Marcas Technorati: ,

9 comentários:

  1. Estão fabulosas😄😄
    Parabéns está um trabalho de mestre 😉😉

    ResponderEliminar
  2. Bonjour madame! Que belas baguetes! Uma dessas ainda quente com manteiga ou fria recheada com pate e salada... J'adore! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. nunca fiz cá em casa mas tenho vontade , ficaram bem bonitas essas.


    O Cantinho dos Gulosos

    ResponderEliminar
  4. Olá parecem deliciosas! Pode se fazer com duas farinhas (integral e normal)?

    ResponderEliminar