Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Viriatos…

A culpa foi toda da chuva e do Sr. meu marido!
Não fosse o dia estar tão cinzento, ventoso e com chuva, certamente eu não estaria fechada em casa!
Para além disso, ontem, o meu marido foi participar num evento BTT e eu e as miúdas ficámos em casa…bem, nada de novo já que com a proximidade do Outono esta é uma rotina que vai estar de volta.
Sempre que ele vai fazer o que adora, andar de bicicleta, aproveito para fazer uns miminhos para quando ele chegar ter à sua espera um delicioso lanche.
E como o tempo não convidava a sair…experimentei uma nova receita. Ainda bem! :D
Para quem ainda não sabe, nasci e vivo no distrito de Viseu e nesta cidade existem uns bolos tradicionais que quem por cá vive ou passou sabe bem quais são: os famosos Viriatos.
Pela cidade de Viseu, são muitas as pastelarias onde os podemos encontrar, os originais que poucos conhecem e as réplicas!
Convido-vos a abrir este CLICAR AQUI para lerem acerca da origem dos Viriatos: 
Os meus preferidos são os da Confeitaria Amaral, também sou uma Amaral! ;)
Afirmo que esta receita é uma famigerada especialidade de Viseu. O melhor bolo desta cidade é o Viriato, mas sem dúvidas!
Atualmente, de marca registada, segue um processo de fabrico artesanal, cumprindo uma cozedura em lume brando.
O seu recheio é, ou deveria ser em alguns casos, confecionado em panelas de cobre e é aqui que faz toda a diferença e que  por si só, faz dele «um bolo inimitável» e eu confirmo.
Conseguir a receita original e a verdadeira é impossível, mas chegar lá muito perto, isso é possível!
Este bolo deve ser comido ainda morno, ai que maravilha!
É feito com uma massa brioche, mas uma massa que se apresenta húmida no seu interior devido ao creme que tem como recheio: doce de ovos, doce de ovos com coco ou creme. Por cima, leva um topping de coco e é polvilhado com açúcar granulado.
Claro que eu tinha que dar aos meus Viriatos, o meu toque pessoal: substitui o creme de ovos, apenas porque o acho um pouco enjoativo, por um creme menos calórico e menos doce, substituí o açúcar granulado por açúcar em pó na cobertura e o resultado…foi este!
Ahhhh e o meu marido AMOU a minha versão e aqui vos deixo as palavras dele:
“Chegar a casa depois de um evento de BTT e encontrar uma quantidade generosa do famoso Viriato de Viseu acabado de sair do forno (sim, caseirinhos!!!) é de um nível muito elevado!”


Quando visitarem Viseu, não se esqueçam de ir visitar a Confeitaria Amaral, até lá podem fazer e provar em vossas casas:
Rua D. Francisco Alexandre Lobo, 54
3500-071 Viseu
Telefone: 232 422 920
 
 
 
Ingredientes:
Para o Creme:
200 + 50ml Leite
80g  Açúcar
Casca de 1 Limão
50g farinha T55 ou (20g T55 + 30 Maizena)
3 gemas
Preparação:
1. No copo da Bimby, colocar 50ml de leite, as gemas e a farinha OU as farinhas se decidirem usar a Maizena.
Programar 20Seg./Vel.4 Retirar e reservar num Tupperware.


2. No copo da Bimby colocar 200ml de leite, 80g. de açúcar e a casca do limão.
Programar 8Min./90º/Vel. Colher/Inversa.

 
3. Programar mais 8Min./90º/Vel. 2, pelo bucal da Bimby e com esta já em movimento adicionar a mistura reservada.
Se no final do tempo notarem que o creme está líquido, deverão colocar um pouco mais de farinha (1c. sopa) e programar mais 3Min./90º/Vel.2


4. Verter o creme para uma tigela e tapar de imediato com película aderente, mas a película aderente deve tocar no creme, isto para que o creme arrefeça, mas não crie aquela crosta que lhe é característica.
Deixar arrefecer completamente.



Massa Brioche:
Ingredientes:
1 saqueta 7gr FERMIPAN ou 20g fermento fresco
60ml de Leite 
100ml água
450g farinha T55 
30g de açúcar
1 pitada de sal
30g de Margarina
Preparação:
1. No copo colocar: o leite, a água, o sal e o fermento. 2Min./Vel.2/37º.
2. Colocar os restantes ingredientes e programar 30Seg./Vel.3.
De seguida na Vel. Espiga/4Min.
Retirar a massa do copo.

  
3. Cm a massa e numa superfície polvilhada com farinha, fazer uma bola e deixar repousar cerca de 30Min.


4. Numa superfície polvilhada com farinha, esticar a massa.
Dobrar a meio.


5. Depois dobrar as pontas para o seu interior.


6. Voltar a esticar, mas não muito pois a massa tem que ficar com cerca de 1cm de altura para que ao levedar fiquem altos e dar-lhes a forma retangular.


7. A meio da massa, colocar o creme ou o doce de ovos.
Espalhar o creme apenas em metade da massa estendida.


8. Dobrar a massa e cortar em triângulos, de modo a dar a forma própria dos Viriatos.
Colocar no tabuleiro que irá ao forno. Confesso que esta parte me foi difícil por causa do creme, mas lá consegui.
Para a próxima coloco a massa diretamente no tabuleiro e só depois corto, fica a dica.

Topping de coco:
Ingredientes:
100g de coco
100g de açúcar
50g de manteiga
1 ovo
Preparação:
1. Colocar todos os ingredientes no copo e programar 2Min./Vel.2/100º.
2. A meio de cada triângulo e com a ajuda de um cortador de pizza dar um pequeno corte na parte mais larga do pastel e afastar ligeiramente, dando-lhe assim a forma original em V, Viriato.



3. Barrar com o topping de coco e deixar levedar 30Min.

 
4. Levar ao forno a 180º graus durante cerca de 15/20Min.
Retirar do forno e deixar arrefecer cerca de 10Min.


5. Polvilhar com açúcar em pó.


6. Comer ainda morno. ;)


13 comentários:

  1. Respostas
    1. :) Também eu, um verdadeiro ex-libris da pastelaria portuguesa ;)

      Eliminar
  2. Mas que fantástica surpresa tive eu ontem quando cheguei a casa depois de uma manhã completa de muita pedalada e de... ter almoçado fora (o pior pesadelo para quem, como eu, adora comer no melhor restaurante do Mundo - no meu caso, em minha casa!)!

    ResponderEliminar
  3. Não conhecia mas estou rendida a esse aspeto e posso adivinhar o sabor que é delicioso de certeza! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta é uma das delícias cá da região. Tens que experimentar!
      Beijinhos

      Eliminar
  4. gosto tanto de viriatos, e esses ficaram bem apetitosos e muito bonitos com uma cor bem bonita.


    O Cantinho dos Gulosos

    ResponderEliminar
  5. Não conhecia,mas adorei a receita. Temos cá uns bolos parecidos ( claro que sem a forma "V") que se chamam "nevões". Vou experimentar esta ,pois adoro massas lêvedas.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu não conheço os nevões, tens a receita? Gostava de experimentar ;)
      Bjinhos

      Eliminar
  6. Ai adoro adoro! Nunca fiz em casa, mas provei dos bons! Nham nham!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora já podes fazer no conforto da tua casa ;)
      Bjinho

      Eliminar
  7. Que rica pasteleira ;) devem ser muito bons! BJs

    ResponderEliminar