Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

domingo, 5 de junho de 2016

Pão Rústico...

Não há nada como o cheiro do pão quente que aromatiza a casa logo pela manhã.
Costumo fazer o nosso pão, é fácil, muito mais saboroso, saudável e económico...
Mas ontem, e passados muitosssss meses, comprei pão! Arrependi-me logo na hora! Porquê?
Para começar, o preço: 1 pão de mistura = 1€. Assim que a senhora me disse o preço saiu-me assim disparado: 1€? Credoooo! Comprava quase 3Kg de farinha! A senhora muito séria, nem conseguiu dizer nada. Paguei e vim embora. :D
Cheguei a casa, com fome, era hora do lanche, parti o pão. Bem...que desilusão!
Um pão com crosta duríssima, o interior parecia esponja. Não fosse a crosta dura, ao cortar desfazia-se todo.
Ai aquele euro tão mal desperdiçado!
Que fiz, logo a seguir! Pão caseiro, o meu, o nosso!
As pessoas costumam pensar que fazer pão em casa dá trabalho, suja a cozinha e demora muito tempo. Não podem estar mais ERRADOS!
Tenho de concordar que as máquinas de fazer pão (também tenho uma) até são objetos curiosos, mas não há nada como “meter a mão na massa”!
Felizmente, esta expressão, no meu caso, é meramente figurativa e não podia estar mais fora do seu contexto. Sabem porquê? 
Porque com esta receita de pão rústico, quase que não é preciso sujar as mãos. A massa não cola, é amassada na Bimby, sai do copo sem deixar vestígios e no fim, o pão é MARAVILHOSO!


Ingredientes:
550g farinha T65
200g farinha de centeio T70
15g sementes de girassol (opcional)
400ml água
30g fermento fresco de padeiro
125g iogurte natural
1c. chá de sal
Preparação:
1. Colocar no copo a água, o fermento e o iogurte natural.
2Min./37º/Vel.2
2. Adicionar os restantes ingredientes e amassar.
3Min./Vel. Espiga


3. Retirar a massa do copo e moldar a gosto.
Uso uma forma de bolo inglês e faço cortes na diagonal.
Deixar levedar num local morno, tapado com um pano até que dobre de volume.


4. Levar ao forno a 200º/30Min. ou até estar cozido.




9 comentários:

  1. Por aqui ainda se vai encontrando uns pãezinhos de qualidade! Mas concordo plenamente contigo, não há nada como o cheiro do pão acabado de fazer! E poder comê-lo quentinho não tem preço! Assim é que eu gosto, receitas que deixem a bimby com poucos vestígios pois aborrece-me imenso lavar aquelas lâminas! Quando for de férias tenho de trazer um carregamento de fermento fresco. Aqui só há seco e na minha opinião o pão leva muito mais tempo a levedar e o resultado nem sempre é como devia. Ai, tenho tanta coisa para trazer quando for de férias! Não há malas que resistam! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão, não há nada que se compare a um pão caseirinho.
      Também noto essa diferença no fermento, o fresco é mais rápido e o sabor também é melhor. Férias? Para onde vais? Dentro de dias vou rumar à Madeira ;)
      Beijoquinhas

      Eliminar
  2. Concordo Cristina, também prefiro o pão caseiro! Onde compras o fermento fresco? Eu costumo substituir por fermento seco mas já me disseram que não é a mesma coisa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Costumo comprar no Lidl, mas há em todos os supermercados. Vem em cubinhos e é muito pratico, mas também podes encontrar nas padarias em cubos maiores (500g). Eu prefiro o fresco, de facto o pão com este fica melhor. Beijinho

      Eliminar
    2. Fui ao pouco ao continente e encontrei :) obrigada!

      Eliminar
    3. Boa! Agora é só por em prática ;)

      Eliminar