Blogue Patrocinado Por

Blogue Patrocinado Por

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Bôla de Bacalhau...

A tradicional Bôla de Lamego saboreada como uma verdadeira iguaria, é um dos pratos típicos de Lamego, servida como entrada ou petisco.
Tem como base uma criteriosa seleção dos ingredientes, ora pois e associa-se a uma massa fofa com diversos recheios que vão desde o presunto (ex-líbris da gastronomia local), vinha d`alhos, sardinha, presunto, salpicão, bacon, fiambre ou bacalhau...
Fiel a uma receita muito antiga, as Bôlas de Lamego deliciam o paladar dos consumidores.
Tendo em conta a oferta da culinária duriense, a Bôla de Lamego assume-se como uma das iguarias mais genuínas e distintas do Portugal gastronómico.
E é claro, eu tenho a sorte de viver bem perto, de a comer imensas vezes, de conhecer a receita e de a fazer muitas e muitas vezes. 
Com a proximidade do Natal, o Bacalhau vai estar presente na ceia e lembrei-me que a variante da Bôla de Bacalhau ainda não estava no blog, mas já cá deveria estar, pois faço tantas vezes...
Com as sobras do bacalhau da ceia, é a altura ideal para testarem esta maravilha. Anotem já esta receita e façam no dia de Natal para o lanche.
Vão adorar!


Ingredientes:
250ml de água
1c. chá de Sal, Salinas Corredor do Sol
1 saqueta 7gr FERMIPAN
40ml de azeite
500g farinha T65 ou 530g T55
2 postas de Bacalhau cozido
2 Cebolas grandes
2 dentes de Alho
azeite q.b.
Preparação:
1. Colocar no copo a água, azeite e o fermento.
Programar 2Min./37º/Vel.2
2. Adicionar a farinha e o sal.
Programar 2Min./Vel. espiga.
3. Retirar do copo e deixar levedar cerca de 1H num local morno ou até dobrar de volume.


4. Enquanto a massa leveda, numa frigideira deitar azeite de modo a que o fundo fique preenchido.
Picar as cebolas e os alhos de forma grosseira e adicionar ao azeite.
Em lume brando deixar que a cebola cozinhe até que fique transparente.
A frigideira deve estar tapada para que o vapor também ajude a cozinhar.
Mexer regularmente.


5. Entretanto, no copo deitar as lascas do bacalhau já cozido e sem espinhas.
Desfiar. 5Seg./Inversa/Vel.4
6. Adicionar o bacalhau desfiado à cebola e envolver bem, não sendo necessário cozinhar.
É só mesmo envolver bem os dois.
Reservar.


7. Dividir a massa já levedada em 2 partes iguais.
Numa superfície polvilhada com farinha e com a ajuda de um rolo estender uma parte da massa e forrar o fundo de um tabuleiro retangular.
Podem untar o tabuleiro com azeite e farinha ou colocar papel vegetal.
5. Deitar o recheio de Bacalhau de forma uniforme, por toda a superfície da massa, estender a restante massa e tapar.


6. Pincelar toda a superfície com azeite.
Com um grafo, picar.


Levar ao forno a 200º/20Min.
7. Retirar do forno, deixar arrefecer, fatiar e deliciem-se.
Espero que gostem!

Sem comentários:

Enviar um comentário